Entrada > alojamento > Candidatura

Estudantes P.PORTO | RuiPinheiro©

Candidatura

A utilização das residências depende da candidatura a apresentar nos termos e nos prazos estabelecidos pelos SAS P.PORTO, anualmente. Pode consultar aqui os prazos para 2017/2018 e o Regulamento Geral de Alojamento.

A candidatura é submetida exclusivamente online, por intermédio da plataforma GiRES – Gestão Integrada de Residências, acessível através do portal dos SAS.

A candidatura é apresentada ao Administrador dos SAS do P.PORTO e é válida por um único ano letivo.

A candidatura a alojamento decorre em duas fases:

 . A primeira fase é destinada aos estudantes matriculados/inscritos no ano letivo anterior que pretendam a renovação do alojamento concedido no ano anterior ou que pretendam vir a ser alojados pela 1.ª vez;
 . A segunda fase é destinada aos novos estudantes do P.PORTO.

Para além das fases anteriores, a candidatura pode ainda ser submetida após o termo do prazo de candidatura para a 2.ª fase, até ao dia 31 de maio, significa isto que no decurso do ano letivo o estudante pode submeter nova candidatura.

Na primeira fase serão disponibilizadas 80% do total das vagas existentes em cada residência e na segunda fase serão disponibilizadas as restantes vagas bem como as vagas sobrantes da primeira fase.

Após o termo da segunda são disponibilizadas as vagas sobrantes das fases anteriores.

Prioridades

Primeira fase de candidaturas, estudantes que foram:

Prioridade 1: Bolseiros no ano letivo anterior, com preferência para aqueles que foram residentes a totalidade do ano letivo anterior;

Prioridade 2: Estudantes cuja candidatura a bolsa de estudo no ano anterior tenha sido indeferida pelos motivos previstos na alínea b), do n.º 1, do artigo anterior;

Prioridade 3: Demais estudantes, com preferência para aqueles que foram residentes a totalidade do ano letivo anterior.

Segunda fase de candidaturas:

Prioridade 1: Estudantes pela primeira vez inscritos no P.PORTO e ensino superior que tenham apresentado candidatura a bolsa de estudo;

Prioridade 2: Demais estudantes.

Em caso de empate, as candidaturas serão ordenadas de acordo com os seguintes critérios, ordenados por ordem decrescente de importância:

. Estudante que recebeu a bolsa de estudo mais elevada;

. Estudante, cuja residência do agregado familiar diste a maior distância da escola do P.PORTO que frequenta;

. Estudante que obteve maior percentagem de aproveitamento escolar.

Após a fase de candidatura e em situação de atribuição de alojamento, a admissão na residência será formalizada através da assinatura prévia de um contrato de alojamento, celebrado entre o estudante e os SAS.